Aurismar Mazinho Monteiro

Uma pena meramente entusiástica.

Textos

Ventura – Indriso II
Perambulei, tendo o mundo me ensinado,
me pondo n'alma as feridas, as lições...
para o bem, que do mal eu nada guardo.

Sofri, quedando-me em tropeços.
Foram tantos e difíceis os percalços,
Mas segui, com a vitória no encalço.

Alcançada a luz, alargou-se minha estrada.

Descortino-me em sorrisos, com a ventura da chegada.
AURISMAR MAZINHO MONTEIRO
Enviado por AURISMAR MAZINHO MONTEIRO em 04/05/2011
Alterado em 20/05/2011
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras